> * Meus seguidores

Semana da Educação especial e o mês do Autismo

Semana da Educação especial e o mês  do Autismo

Sou fã e Indiko

> * Quem sou eu?

Minha foto
Guarujá, São Paulo, Brazil
Meu nome é : Mariza Maravilha Obrigada pela sua visita! Tenho 47 anos, solteira , natural de Leblon/RJ. atualmente moro em Guarujá/SP. Recomecei o crochê depois de um longo período, devido á rotina de um tratamento prolongado, não me permitia tempo para isso. Decidi criar este Blog e vários que eu tenho. Também tenho esse blog para afirmar quem é o Dono da minha vida CRISTO. a Minha crença é em CRISTO JESUS, não há DEUS maior que Ele, e dEle vem as minhas vitórias COM CRISTO EM CRISTO JESUS. TE AMO SENHOR JESUS. retornei ao mercado de trabalho, na área de escriturária, mas devido um descaso do destino houve um acidente em 2000 no qual fiquei de cama por 4 anos por quase perder a perna esquerda. Em 2005 comprei um pc, e comecei a descobri o mundo maravilhoso dos blogs comecei a retornar aos meus artesnatos. Agradeço a todas as pessoas que tornaram possível a realização de meus trabalhos , ás que visitam meu Blog! Agradeço á colaboração indireta dessas pessoas maravilhosas e seus lindos trabalhos que disponibilizam suas imagens, receitas para que isso fosse possível!!! E aos amigos que apoiam meu blog.

Aprendi

Creio que na hora certa as coisas acontecerão... mesmo que eu tenha que aprender a esperar por isso... Aprendi que todos os nossos atos acarretam conseqüências que interferem na vida de outras pessoas, principalmente nas vidas de quem mais amamos, e podem ser tanto muito boas quanto ruins. Porém creio que TUDO, sem exceção, contribuem para o bem dos que amam a Deus (Romanos 8:28). Creio que na hora certa as coisas acontecerão... mesmo que eu tenha que aprender a esperar por isso.. Aprendi que viver no passado só nos traz mais insatisfação pelo que deveria ter sido e não foi, e não nos faz olhar para frente e admirar o que temos diante de nossos olhos. Guardo na lembrança os momentos felizes e de luta, mas caminho adiante, sem olhar para trás com pesar. Aprendi que Deus será sempre Deus quer você acredite nEle ou não. Ele simplesmente É o que É. Não precisa de nossa devoção para se fortalecer, porém é tão misericordioso que oferece a nós a possibilidade de uma vida plena e um futuro certo com Ele. Afinal, Ele ofereceu seu Filho amado para morrer por TODOS nós na cruz Aprendi que Deus será sempre Deus quer você acredite nEle ou não. Ele simplesmente É o que É. Não precisa de nossa devoção para se fortalecer, porém é tão misericordioso que oferece a nós a possibilidade de uma vida plena e um futuro certo com Ele. Afinal, Ele ofereceu seu Filho amado para morrer por TODOS nós na cruz. Sei que terei que enfrentar muitas tempestades e momentos em que vou querer desistir de tudo, mas com Deus tenho a certeza de que será mais fácil atravessar o vale da sombra da morte e então admirar o arco íris e aproveitar os momentos de paz. Não preciso ter medo! Aprendi que fé não é religião, e que ambas não devem ser assunto para discussão, afinal a salvação é individual. Há quem pense como eu, e há quem tenha suas próprias crenças e convicções. Respeito o livre arbítrio da mesma maneira que Deus respeita, afinal, Ele nos ofereceu a liberdade de escolha. Aprendi que fé não é religião, e que ambas não devem ser assunto para discussão, afinal a salvação é individual. Há quem pense como eu, e há quem tenha suas próprias crenças e convicções. Respeito o livre arbítrio da mesma maneira que Deus respeita, afinal, Ele nos ofereceu a liberdade de escolha. Aprendi que Deus me ama mais do que eu posso mensurar e imaginar. Ele me deu o ar, o mar, o sol, as estrelas, meus amigos, minha casa, meu marido(CRISTO), minha familia(Santos,Oliveira,Medeiros,Alves e Costas), e o bem mais precioso da minha vida: meu filho (meus animais os meus gatos). E continua a me abençoar a cada instante, nos pequenos e mais singelos momentos, através dos menores detalhes... é só parar para prestar atenção e você verá. E acima de tudo, aprendi que NÃO HÁ NADA QUE EU POSSA FAZER QUE PODERÁ AFASTAR-ME DE DEUS E FAZÊ-LO AMAR-ME MENOS. Sim!, Ele ama a todos nós INCONDICIONALMENTE. Sua natureza é pura e simplesmente AMOR. Ainda que eu falasse a língua dos homens e dos anjos, sem amor EU NADA SERIA (I Coríntios 13:1) Por isso, digo que NADA SOU SEM MEU DEUS!

Comentem faça uma blogueira feliz

...

...

sexta-feira, julho 17, 2009

> * A Gentileza é...


-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-

deixar as praias limpas! Recolha, por gentileza, o lixo que você produzir.

-.-.-.-.-.

recolher a sujeira que seu bichinho de estimação deixar na rua. Tenha certeza que, se pudesse, ele faria essa gentileza!

.-.-.-.-.
andar com bichinhos de estimação apenas no elevador de serviço. Sabe como é, bichanos não gostam de ser flagrados descendo para a farra no elevador social.


não deixar o seu bicho de estimação sozinho! Quando viajar, deixe seu amigo com algum conhecido ou hotel especializado.

deixar a faixa de pedestres livre para quem está a pé. Afinal, amanhã pode ser você quem precise atravessar a rua, não é mesmo?

não atravessar a rua no meio dos carros. Os automóveis não transitam pela calçada, concorda?

ceder passagem para ambulâncias, bombeiros e carros de polícia. Travar o caminho pode ser a diferença entre a vida e a morte para alguém.

desacelerar quando vir o sinal amarelo.

não estacionar em fila dupla. Além de um engarrafamento, você pode causar acidentes!

ceder a vez no trânsito. Este é um gesto que vai lhe custar apenas alguns segundos e faz toda a diferença para o próximo!

deixar o celular em vibracall em lugares públicos. Ninguém merece ficar ouvindo tons ou musiquinhas que não escolheu...

ser breve ao celular quando estiver acompanhado.

esperar a apresentação teatral acabar para atender ou falar ao celular. É gentil com o resto da platéia e sobretudo com os atores.

ocupar apenas o seu lugar em cinemas, teatros ou shows. Sua bolsa não vai se importar em ver a apresentação no seu colo, não é?

não apoiar os pés na poltrona da frente, mesmo que ela esteja vazia. Já pensou se você, ao se recostar, encontrasse uma sola de sapato?

falar baixo no restaurante. Além de inconveniente, é muito chato todos saberem os detalhes de sua conversa, não é?

fumar apenas em locais permitidos.
Além de ser educado, agora é lei!

parar de fumar! Seu organismo agradeceria a você.

esperar todos terminarem de comer para acender seu cigarro.

evitar charutos, acendendo-os apenas em áreas reservadas. O cheiro deles incomoda mesmo os fumantes de cigarro.

mostrar aos seus filhos como é importante se comportar em um restaurante. Ser educado é ser gentil!

ter piedade do nariz alheio e não exagerar no perfume.

ceder a vez, ou o lugar, para idosos, gestantes e deficientes físicos. Nem precisava regulamentar esta cortesia, não é?

usar “bom dia”, “boa tarde”, “boa noite”, “obrigado”, “por favor”, “desculpe” e “com licença”. Além de gentil, isto pode abrir uma série de portas para você.

não conversar em voz alta nos elevadores. Todo mundo escuta a sua conversa, e isto pode ser inconveniente, não acha?

não empurrar as pessoas para entrar ou sair dos trens ou metrô. Tenha calma que você chegará ao seu destino.

deixar um espaço à esquerda nas escadas para que os mais apressados possam passar. Respeite o ritmo de cada um!

esperar com paciência a sua vez de ser atendido, no banco, na loja etc...

tratar as pessoas como gostaria de ser tratado.
(Gentileza enviada por Adriana Francisco da Silva - MG)

antes de tudo ter educação e respeitar o limite do outro.
(Gentileza enviada por Regina Torres)

parar o carro e deixar os pedestres atravessarem a rua, em dias de chuva.
(Gentileza enviada por Eliany Silva Ribeiro - ES)

sempre tratar a todos com respeito e educação.
(Gentileza enviada por Anny Correa Ferraro - SP)

pensar e fazer a melhoria da qualidade de vida da comunidade.
(Gentileza enviada por Alexandre - RJ)

saber se colocar no lugar do outro.
(Gentileza enviada por Maria Fernanda Raposo – RJ)

saber tratar todas as pessoas com respeito e consideração, independente da cor, sexo, religião e padrão social
(Gentileza enviada por Maria Fernanda Donati Veiga Raposo - RJ)

dizer olá e sorrir, olhando nos olhos do outro.
(Gentileza enviada por Luciano Pfeifer - SP)

aceitar o outro como ele é.
(Gentileza enviada por Fátima Paraguassú – GO)

dar um sorriso aos tristes.
(Gentileza enviada por Sérgio Augusto Costa da Silva – AM)

sorrir para as pessoas e cumprimentá-las mesmo
sem conhecê-las.
(Gentileza enviada por Cristiane Marino – PR)

não estacionar o carro na calçada. Priorize os pedestres sempre.
(Gentileza enviada por Eduardo Saggese – RJ)

respeitar a natureza. Por isso, não jogue lixo nas ruas, pois as lixeiras existem para isso.
(Gentileza enviada por Marcos Abraão - RJ)

fazer o bem sem olhar a quem.
(Gentileza enviada por Vanessa Avelar – RJ )

estar presente nos melhores e piores momentos de vida de um amigo, pois um amigo é para sempre.
(Gentileza enviada por Valeri Monteiro – RJ)

dar palavras de conforto até a quem você nem conhece.
(Gentileza enviada por Renata Vieira – AL)

saber respeitar o espaço e a individualidade do outro.
(Gentileza enviada por Ana Cristina Reuther – RJ)

ser gentil consigo próprio. Cuide-se! É o primeiro passo para outras gentilezas!
(Gentileza enviada por Maria Fernanda Veloso – RJ)

ter respeito pelo pessoal da "melhor idade".
(Gentileza enviada por João Pedro Noronha Bret - RJ)

dar a mão a alguém com dificuldades.
(Gentileza enviada por Manoel Fernando Santana Reis – BA)

não urinar na rua.
(Gentileza enviada por Janaíde de Paula – RJ)

dar sem esperar nada em troca.
(Gentileza enviada por Marina Epifanio – PR)

dar um bom dia sorridente para seus familiares, se possível todos os dias.
(Gentileza enviada por Katu - RJ)

cuidar dos animais com muito amor e carinho.
(Gentileza enviada por Michela Larissa da Silva Oliveira – BA)

devolver sua xícara de café naquelas praças de shopping, poupando a atendente de vir limpar a mesa, ao mesmo tempo deixando a mesa livre para o próximo.
(Gentileza enviada por Maria Luiza de Souza Coronel – SP)

se preocupar com o próximo.
(Gentileza enviada por Carolina – RJ)

não descarregar sentimentos negativos nas pessoas, como se todo o mundo fosse culpado por nossos desencontros.
(Gentileza enviada por Kerlâne Silva – PEJ)

amar e respeitar o próximo como a si mesmo.
(Gentileza enviada por Denise – SP)

ter consciência do espaço coletivo.
(Gentileza enviada por Janaína Santos da Silva – RS)

dar um abraço e dizer o quanto o outro é importante.
(Gentileza enviada por Altivo Cesar do Barreto - RJ)

ensinar aos seus filhos a importância de cuidar do meio ambiente.
(Gentileza enviada por Marcos Abraão – RJ)

desejar bom dia ao motorista de ônibus.
(Gentileza enviada por Sonique - MA)

se importar com os sentimentos do próximo.
(Gentileza enviada por Ileana Argollo - BA)

pensar nos outros antes de tomar certas atitudes. Não temos que ser egoístas. Um ato simples e gentil.
(Gentileza enviada por Luiz Felipe de Oliveira – RJ)

estender a mão quando precisa e transformar sorrisos em poesias; esquecer as diferenças e se entender na amizade.
(Gentileza enviada por Suzana Martins – BA)

ter a consciência de que ninguém caminha sozinho, pois sempre precisamos do próximo.
(Gentileza enviada por Márcia Figueirôa – PE)

acolher o próximo independente das suas diferenças.
(Gentileza enviada por Núccia Gaigher - MG)

dar atenção às pessoas ao seu redor para que elas sintam que realmente podem contar sempre com você.
(Gentileza enviada por Vera – BA)

esquecer seu ego e se doar por completo.
(Gentileza enviada por Mere Elen – RJ)

divulgar o site gentileza.net para que o mundo seja mais gentil.
(Gentileza enviada por Mirna Lívia Suiça de Lima - AL)

escutar o que o outro tem a dizer.
(Gentileza enviada por Luana – MG)

doar uma parcela do seu tempo para fazer o bem a quem precisa em hospitais, asilos, ruas, ou seja, lugares onde as pessoas necessitam de amor!
(Gentileza enviada por Simone – RN)

dizer para as pessoas que amamos, o quanto elas são importantes.
(Gentileza enviada por Marilza Maltempi – SP)

deixar seu carrinho de supermercado "estacionado" num local onde não atrapalhe os demais consumidores, enquanto você espera calmamente na fila da carne, do pão, dos frios, etc. Assim você colabora com a circulação e para a harmonia de todos.
(Gentileza enviada por Marcia – SP)

deixar de ver o defeito das pessoas e começar a ajudá-las, pois nós todos somos um só ser.
(Gentileza enviada por Vinicius Almeida – SP)

perguntar o nome do atendente (seja lá onde for) e, sempre que for precisar de alguma coisa, chamá-lo pelo nome!
(Gentileza enviada por Aline - BA)

pensar bem no peso de suas palavras. Antes de falar algo que possa ferir o outro, se imagine escutando isso de alguém. É um bom exercício.
(Gentileza enviada por Betty Sá – RJ)

pensar no bem de uma forma geral, é plantar o amor para colher o bem!
(Gentileza enviada por Maicon Castilho de Souza – RS)

ser amável e educado com todos!
(Gentileza enviada por Rosália da Rocha - RS)

cultivar a alegria.
(Gentileza enviada por Julia Manganelli – RS)

colaborar para a preservação do nosso planeta.
(Gentileza enviada por Ediane Dornellas – MG)

atender o telefone com alegria. Quem está do outro lado da linha não sabe o que está acontecendo contigo!
(Gentileza enviada por Daniella Debertolis – PR)

fazer uma oração silenciosa, agradecendo e cuidando dos bens que Deus nos deu.
(Gentileza enviada por Roseli de Araujo Gomes – SP)

perdoar como gostaria de ser perdoado.
(Gentileza enviada por Vânia Porto - SP)

espalhar boas ações e tratar as pessoas como nós queremos ser tratados, com amor respeito e gentileza, pois gentileza é tudo.
(Gentileza enviada por Michele e Natalia - RJ)

saber ouvir, saber falar, saber agir, saber calar... Ser gentil é saber doar sem cobrar.
(Gentileza enviada por Helayne Peres Cardoso – SP)

doar seu agasalho a quem precisa!
(Gentileza enviada por Marcia Mara Zanon Melo – MG)

dizer obrigado ao funcionario que pega suas malas no hotel.
(Gentileza enviada por Otavio Melo – SP)

cumprimentar mais... Sorrir mais... Abraçar mais...
(Gentileza enviada por Soraia Spolidório – SP)

pregar o amor, independentemente do que aconteça.
(Gentileza enviada por Luisa Takahashi Timotheo de Lima – RJ)

compartilhar o prazer de viver feliz com outras pessoas.
(Gentileza enviada por Mayara Lins – CE)

levar sua própria sacola quando for às compras. O meio ambiente agradece.
(Gentileza enviada por Ediane Dornellas – MG)

compartilhar tudo que sabe e aprender com humildade o que não sabe.
(Gentileza enviada por Magda Rúbia Chaves Bolentine - GO)

chegar na sala de aula e pedir licença se estiver atrasado.
(Gentileza enviada por João Alfredo - MG)

não ser preconceituoso e não julgar ninguém pela aparência.
(Gentileza enviada por Giovanna – MG)

fazer um grande favor ao outro, sem ter em mente recebê-lo de volta.
(Gentileza enviada por Kelson Gérison Oliveira Chaves – CE)

realizar negócios com responsabilidade social.
(Gentileza enviada por Alexander Nascimento – RJ)

facilitar a sua vida e a dos outros.
(Gentileza enviada por Nanda Botelho – PE)

compartilhar o sofrimento dos nossos irmãos.
(Gentileza enviada por Zelia – SP)

tratar bem os funcionários ou colegas de trabalho, pois isso gera qualidade e motivação no ambiente de trabalho.
(Gentileza enviada por Poliana Botario - PR)

respeitar a experiência dos mais velhos, a audácia dos mais novos e, assim, sempre perdoar.
(Gentileza enviada por Bruna Ianini – MG)

aceitar e promover a multiplicidade de cada ser. As diferenças fazem toda a diferença!
(Gentileza enviada por Marília Durlacher Arantes de Souza – SP)

crer que a vida é abundante e que se doar ao outro não diminui em nada a gentileza disponível para você no mundo. Seja gentil com você mesmo e experimente, a partir deste momento, uma transformação. Um mundo de paz se faz assim.
(Gentileza enviada por Júlia Gabriele Araujo da Costa - RJ)

trazer conforto quando o mundo desconforta.
(Gentileza enviada por Jéssica Malu - SP)

Nenhum comentário:

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios